Terça, 19 Fevereiro 2019 10:18

Criar um Site ou Redes Sociais, qual o melhor investimento?

Escrito por Equipe de Gestão de Conteúdo
Avalie este item
(0 votos)

 

Será que faz algum sentido eu manter ou criar um site em tempos de redes sociais? Essa é uma dúvida de muitos de nossos clientes.

Para responder essas perguntas vamos inumerar algumas questões a serem analisadas.

1. A primeira vista, as redes sociais se apresentam como uma opção mais prática para as empresas. Os layout/design das páginas das redes sociais já estão prontos, sendo preciso apenas preocupar-se com o conteúdo a ser criado para tentar atrair mais clientes através dessas redes;

2. No Facebook as opções de publicidade são diversas, sendo possível criar campanhas direcionadas ao seu público alvo, podendo leva-los de volta ao seu Face ou leva-las ao seu site, sendo a segunda opção a mais usada por grandes empresas. Uma vez no Face e agora também disponível nos sites, a comunicação através do Messenger, facilita a realização do primeiro atendimento ao cliente e até criar chatbots, que são programas de atendimento automático;

3. O Instagram é uma rede social focada em conteúdo visual, tipo “comer com os olhos” e os conteúdos publicados no Instagram são os mais compartilhados em Social Media. Isso significa que são muito eficientes para atrair mais curtidores (mas atenção, curtidores não são clientes. Atualmente no Instagram, todo mundo curte todo mundo e segue todo mundo só para ganhar mais e mais volume de seguidores, ou seja, é possível que você chegue a 10 mil seguidores sem conseguir fechar nenhuma venda).

4. Uma das coisas consideradas RUINS nas redes sociais, são, com certeza o tempo de validade dos conteúdos pulicados. O normal é você olhar apenas novidades no seu feed do Facebook ou do Instagram, é muito improvável você ver alguma postagem feita dois ou três dias atrás. ISSO ACONTECE PORQUE TANTO O FACEBOOK QUANTO O INSTAGRAM, TÊM O FEED QUE FUNCIONA COMO UMA CACHOEIRA DE POSTS, E O QUE PASSOU POR AÍ, PASSOU E NÃO VOLTA MAIS ATRÁS. Na próxima rolagem do feed, novas coisas vão aparecendo, e assim por diante.

5. Por outro lado, os conteúdos que você publica no seu site estarão sempre disponíveis pelo tempo que você desejar, sempre dando destaque ao que você considerar mais importante para aparecer primeiro, logo na abertura do site. É importante também criar o seu site através de agências experientes, com profissionais de qualidade, que vão fazer com que os conteúdos do seu site fiquem sempre bem posicionados em serviços de buscas e sigam gerando visitas por meses e até anos a fio. Resumindo, você não perde seu conteúdo em menos de 24 horas como acontece nas redes sociais, ele fica lá anos e anos, vendendo para você.

6. Outra coisa que devemos enfatizar e que em todas as redes citadas, empresas presentes nelas costumam criar anúncios que captam a atenção do cliente e o direcionam para o site. O contato nas redes serve principalmente para o cliente em potencial ter seu primeiro contato com a marca, explorando o site para aprofundar o conhecimento e manter o relacionamento com o cliente.

7. Nas redes sociais, como o Facebook e o Instagram, você usa uma plataforma deles, criada por elas, as redes sociais, ou seja, eles determinam como será a apresentação dos conteúdos, porque você está usando um serviço de terceiros, ou seja, uma página do Facebook não é necessariamente sua, e sim da rede social e por isso, você está sujeito a mudanças que podem ou não te interessar, que podem ajudar seu negócio ou atrapalhá-lo. Um exemplo são os conhecidos e temidos algoritmos de redes como Facebook e Instagram, que elencam os conteúdos interpretados por eles como mais importante para o usuário, ou seja, eles é que dizem o que é mais importante para os seus usuários.

8. Criando um site profissional, a equipe faz o trabalho colocando para você todo o conteúdo que você determinar, dando destaque ao que você considerar mais importante e o site é seu, não tem propaganda de outras empresas concorrentes nele. O internauta que navegar por ele, vai ver e ler apenas o que diz respeito ao seu negócio, sem distrações laterais de outras publicidade, que muitas vezes são até dos seus concorrentes. No seu site, é você que controla o que entra e o que sai dele.

9. Cada vez mais marcas reclamam de uma queda do alcance orgânico, aquele gratuito, de suas publicações, e a necessidade cada vez maior de investir uma grande quantia monetária para manter-se relevante nas redes, ou seja, as redes sociais vão manipulando as publicações para gerarem mais receitas para eles. É claro, isso não quer significar que redes sociais não sejam importantes para empresas – pelo contrário, sua importância cada vez cresce mais. Porém, lembre-se da importância de manter um site atualizado, bonito e atraente. Além de oferecer maior credibilidade para seus clientes, é você que manda!

Para que você entenda mais o comportamento do internauta, vamos analisar a diferença entre o comportamento do público no Google e nas Redes Sociais.

• Nas Redes Sociais, você atrai público que, em geral, está de lazer, curtindo as coisa que os amigos estão mandando e que, eventualmente, podem ficar curiosos sobre alguma coisa que você publicou ou anunciou e a partir daí começam a seguir você, mas isso não quer dizer que aquelas pessoas estejam realmente interessadas, naquele momento, em adquirir algum produto ou serviço do seu empreendimento e por isso, o retorno do investimento em redes sociais é lento, onde você primeiro tem que formar milhares de seguidores para começar efetivamente a fechar negócios.

• Nas Buscas do Google, as pessoas que lá entram, já estão procurando por alguma coisa, e normalmente querem rápido, naquele exato momento, sendo que o Google, preferencialmente, apresenta nas buscas só os sites. É muito raro o Google mostrar páginas do Facebook ou Instagram nas buscas, normalmente, quando o faz, é porque alguém pesquisou pelo nome de uma pessoa, mas se a busca for de produtos ou serviços, o robô do Google só mostra sites, milhares deles.

Então, após essa breve análise da diferença entre o comportamento do público nos dois maiores segmentos de internet (Google e Redes Sociais), sou eu que lhe pergunto: “Você quer perder o público que já quer comprar e está procurando avidamente por produtos e/ou serviços no Google e esperar o resultado mais lento das redes sociais ou você quer atrair clientes para o seu negócio desses dois segmentos?”

Aí você me responde: querer eu quero atrair o público dos dois seguimentos, mas as redes sociais são de graça e o site custa caro.

Então eu digo para você: O site só é caro se for mal feito e não tiver boa indexação das palavras-chave do seu negócio no Google. Ai ele realmente sai caro porque não vai lhe dar retorno algum, mas se for um site feito por profissionais, adequado as telas de computadores e smartphones, construído desde o primeiro momento com as melhores métricas de indexação do Google, ele é o primeiro melhor investimento que você pode fazer em Marketing Digital.

Pensa comigo, nas redes sociais, muitas pessoas fazem os próprios posts, tem até muitos vídeos que ensinam de graça a gerenciar redes sociais, então, você mesmo(a) pode começar a aprender a postar enquanto investe na criação de um site profissional para o seu negócio, porque, fazer site profissional, atrativo, com boa navegabilidade e bem indexado nas buscas do Google, só através de profissionais que estudam anos como fazer. E posso afirmar categoricamente para você, se o seu site não estiver na primeira página do Google na buscas das palavras-chave do seu negócio, você será apenas mais um daqueles um milhão de resultados que aparecem nas buscas e que, é claro, ninguém vê.

Então você me diz: "Pelo que você está falando, o site é melhor que o Facebook e o Instagram!"

Aí eu lhe respondo: Claro que não, o Facebook e o Instagram são ótimos e você não pode estar fora deles, estou lhe dizendo apenas que o site e as redes sociais se complementam quando falamos de captar novos clientes para o seu negócio. Para ter sucesso em Marketing Digital, você deve captar clientes dos dois seguimentos, Google e Redes Sociais.

Vamos analisar os detalhes de cada segmento:

Vantagens das redes sociais:

São gratuitas, para ter uma conta, basta criar um perfil nas páginas oficiais com um e-mail;
Interação porque os clientes têm acesso rápido e fácil para ver os produtos e serviços, bem como comentar, deixar opinião ou tirar dúvidas;
Público expressivo tenho em vista que os brasileiros gastam, em média, 13 horas do dia em redes sociais e por isso as chances da sua marca ser vista é bem alta, mesmo que para isso você precise investir em anúncios pagos.

Vantagens da criação de um site

• Google – A pessoa não sabe o nome da sua empresa ou sua marca, mas lhe encontra através das buscas do Google. Se o seu site estiver otimizado e bem ranqueado, ao procurar pelo serviço ou produto que você oferece, seu potencial cliente pode te encontrar mais facilmente através dos buscadores;

• Confiabilidade – uma página oficial na internet gera muito mais credibilidade, é um verdadeiro cartão de visitas. O internauta sente mais confiança porque encontra, de uma vez só, dados mais completos sobre a empresa, seus produtos e serviços oferecidos;

• Segurança – sites podem adquirir selos de segurança e podem conter também depoimentos de clientes satisfeitos com os seus produtos ou serviços;

• Integração com redes sociais – Esse é o ponto mais importante do site porque, atualmente, é possível mostrar tudo que acontece nas suas redes sociais do Facebook e do Instagram dentro do próprio site, ou seja, o internauta não precisa sair do site para visitar as suas redes sociais.

• Serviço online – sites oferecem a possibilidade de o internauta contratar o serviço dentro da própria plataforma, como é o caso de lojas virtuais e ou marcação de consulta médica online.

• 93% dos do internautas só realizam compras online em sites, e só o fazem em sites que tenham certificado de segurança SSL, aquele cadeado que fica lá no negador, antes de aparecer o www do site. (isso as redes sociais não têm).

CONCLUSÕES:

A primeira coisa que devemos entender é que, diferente do que muita gente pensa, não é necessário usar apenas o site ou apenas as redes sociais. É interessante pensar nas duas plataformas como aliadas, e não como inimigas.

Pense nas redes sociais como a recepção da sua empresa. Ali, os visitantes receberão informações essenciais, porém básicas. Ideal para uma visita passageira, dar uma olhada e decidir se o local merece mais do precioso tempo deles. Por isso, é importante sempre manter uma presença nas redes sociais bem-feita e planejada.

O site é diferente, ele mostra para o seu futuro cliente uma visão aprofundada sobre seu negócio. Principalmente quando falamos de serviços ou produtos duráveis, de maior custo, as pessoas precisam ter o máximo de confiança possível. Por não possuir os limites e concorrência impostos pelas redes sociais já citados anteriormente, o site é melhor caminho para criar essa relação de confiança.

Agora sou eu que novamente lhe pergunto: Onde você quer estar quando esses potenciais clientes te procurarem?

Provavelmente você respondeu que quer estar presente nos dois segmentos, Google e Redes Sociais. Então, se assim for, entre em contato direto conosco, SEM COMPROMISSO, para saber mais sobre os serviços que podemos lhe oferecer tanto na Criação de Sites Profissionais para o seu negócio como também no gerenciamento de conteúdo para suas redes sociais...

Ahhh eu já ia me esquecendo de dizer.... somos nós que fazemos tudo para você. Tudo mesmo, você só tem que nos informar uma lista dos produtos e serviços que atua que nós construímos todo conteúdo do site e das redes sociais para você.

Então, o que você está esperando? Ligue já para o meu WhatsApp CLICANDO AQUI!

Lido 1041 vezes

Deixe um comentário

Certifique-se de preencher os campos indicados com (*). Não é permitido código HTML.

Matérias e Artigos

Copyright © 2011 - 2019 - Andrômeda Web Marketing & Pegasus Web Solution - Todos os Direitos Reservados